• teachers campaign fr
  • gaw 2013 fr topright

social fsocial Psocial tsocial yt

read our blog en 2

blog button

Sobre o CSEF (Fundo da Sociedade Civil para a Educação)

O Fundo da Sociedade Civil para a Educação (Fundo CSEF) abriu o caminho para que a sociedade civil se torne um parceiro credível e influente no diálogo do sector educativo através do seu trabalho com coligações nacionais de educação que representam organizações locais da sociedade civil, dentro de um país. O objetivo do CSEF é assegurar que as organizações da sociedade civil possam assumir os papéis que delas se espera, de acordo com o Quadro de Ação de Dacar e, especificamente, em relação a processos PGE a nível do país.
O CSEF foi criado pela Campanha Global pela Educação em 2009 para apoiar o trabalho principal das Coligações Nacionais de Educação para que a sociedade civil possa envolver-se totalmente e acompanhar o avanço dos governos nacionais e grupos de doadores no trabalho para os objectivos da EPT. Inicialmente financiado através da Iniciativa Fast Track (agora Parceria Global pela Educação - PGE) e, atualmente, pelo governo australiano, o CSEF demonstra como a PGE e a comunidade internacional de doadores valoriza a sociedade civil como uma pedra angular nos processos do sector educativo. Desde o seu início o CSEF apoiou 45 Coligações Nacionais de Educação em toda a África, Ásia, Pacífico e América Latina, que desempenham um papel ativo na campanha, defesa e compromisso com governos e doadores, trabalhando para uma educação de qualidade para todos os cidadãos, incluindo aqueles que são excluídos e vulneráveis.
O CSEF é coordenado através de agências regionais que prestam apoio programático às coligações: ANCEFA em África, CLADE na América Latina e ASPBAE na Ásia e no Pacífico.

  • O Fundo da Sociedade Civil para a Educação inclui os seguintes objectivos:
  • Estabelecimento de coligações nacionais de educação generalizadas e de funcionamento democrático

Fortalecer a capacidade das coligações nacionais de educação se envolverem e acompanharem o avanço dos governos nacionais e dos grupo de doadores locais e de defenderem a mudança de política e de reformas institucionais a nível nacional.

Exemplos de como o CSEF  “faz funcionar”

Envolvimento no planeamento do sector educativo e desenvolvimento de políticas
No Gana, a Coligação Nacional de Educação (GNECC) facilita uma revisão anual ao sector educativo por parte da sociedade civil, garantindo a participação de uma ampla variedade de organizações da sociedade civil a nível nacional e local. Por meio desses processos a GNECC tem sido capaz de promover numerosas exigências em relação a políticas que foram posteriormente adotadas pelo governo. Por exemplo, a coligação inspirou um processo de desenvolvimento de uma política global de educação para mulheres e raparigas, com disposições específicas sobre a readmissão de raparigas que abandonaram a escola devido a gravidez precoce e outras causas.

Influenciar as leis nacionais de educação
No Quênia, a Coligação Elimu Yetu (CEJ) iniciou um processo para acelerar a revisão da Lei da Educação de 1968 e outras políticas correntes, e liderou o desenvolvimento de um Projeto de Política de Educação Nacional e uma nova Lei de Educação. A coligação representa a sociedade civil no processo de revisão nacional, liderada por um comité de peritos nomeados pelo governo.
Na Bolívia, a Coligação Nacional de Educação (CBDE) influenciou a revisão, ajuste e aprovação da Lei de Educação "Avelino Siñani - Alizardo Pérez (ASEP)" A campanha de mobilização nacional gerou propostas de políticas apresentadas por grupos da sociedade civil para fortalecer o projeto de lei de Educação ASEP, realizando seminários e mesas redondas em diferentes fases do processo.

Trabalho orçamental
No Maláui, a Coligação da Sociedade Civil pela Educação (CSEC) opera através de Redes Distritais de Educação cuja tarefa chave é apoiar processos de monitorização de orçamentos escolares realizados pela escola e por grupos comunitários - expondo má gestão e aconselhando sobre uma melhor alocação e uso dos recursos. Além disso, após fazer campanha durante vários anos, a CSEC ajudou a influenciar o governo de modo a que este colocasse a educação como prioridade na Estratégia revista de Crescimento e Desenvolvimento no Maláui. Através de pressão pública contínua a coligação contribuiu para um aumento no orçamento nacional destinado à educação, de 15,7% em 2009 para 21% no ano financeiro 2010/11.

Investigação e recolha de provas
No ano passado, a Coligação para a Educação das Ilhas Salomão (COESI) lançou o inquérito Educação e Alfabetização em Isabel e Renbel, que apresentam as mais baixas taxas de alfabetização no país. Por exemplo, os resultados da província Isabel mostram que apenas 45,2% das crianças que completaram o ensino secundário são realmente capazes de ler ou escrever. O relatório, que foi apresentado durante a Revisão Anual Conjunta do Plano de Ação de Educação Nacional de 2011, revelou que existem importantes desafios de educação e exigiu que o Ministério da Educação desse prioridade à alfabetização e pusesse em prática políticas adequadas.

Existe um folheto introdutório sobre o Fundo da Sociedade Civil para a Educação, que inclui uma breve descrição do impacto causado por coligações em toda a rede.

CSEF leaflet thumb

 

 

Descarregue em Inglês

 

 

 

 

Relatórios de progresso CSEF
A cada seis meses cada uma das coligações nacionais de educação apresenta relatórios sobre os seus progressos. Pode ver esses relatórios aqui:

Boletins CSEF
A CGE partilha as notícias das coligações CSEF por e-mail, através do seu boletim regular. Ver o arquivo de boletins aqui:

les-enseignants-tiennent-l-avenir-dans-leurs-mains-selon-le-nouveau-rapport-de-suivi-de-l-ept-les-enseignants-constituent-la-solution-a-la-crise-de-l-education
31/01/2014 - La Campagne mondiale de l'éducation (CME) se réjouit de la publication aujourd'hui du Rapport mondial de suivi (RMS) sur l'Education pour tous 2014, Enseigner et apprendre : atteindre la qualité pour tous. Le rapport dresse un bilan sévère des... .. En savoir plus
des-milliers-de-dessins-d-enfants-remis-a-la-directrice-generale-de-l-unesco-pour-exiger-les-droits-des-le-depart-protection-et-education-de-la-petite-enfance-maintenant
07/06/2012 - Vendredi 25 mars, dans le cadre de la campagne « Les droits dès le départ » pour la protection et l’éducation de la petite enfance, la Campagne mondiale pour l’éducation a remis des milliers de dessins réalisés par des enfants du monde entier à Mme Irina... .. En savoir plus
200-millions-d-enfants-toujours-prives-du-droit-a-la-protection-et-l-education-de-la-petite-enfance
07/06/2012 - Les droits dès le départ. Un nouveau rapport publié aujourd’hui par la Campagne mondiale pour l’éducation. La Campagne mondiale pour l’éducation (CME) vient de publier un nouveau rapport Les droits dès le départ, qui s’inscrit dans un mouvement destiné... .. En savoir plus
l-initiative-peri-sur-la-privation-de-la-recherche-dans-l-education
07/06/2012 - L'initiative PERI  est un projet mondial de recherche et de création de réseaux en vue d'animer un débat public accessible et informé sur la prestation de services éducatifs alternatifs. Ses travaux examinent notamment les conséquences sur la... .. En savoir plus
il-ne-suffit-pas-d-envoyer-les-enfants-a-l-ecole-il-faut-aussi-leur-apprendre-quelque-chose
07/06/2012 - The Guardian (GB), 23 Avril 2012-05-14  David Archer – ActionAid et membre du Conseil d'administration CME   L'alphabétisation est devenue un sujet central au Royaume-Uni et sur la scène internationale, où l'on s'inquiète de voir un grand... .. En savoir plus
reaffirmer-le-droit-a-l-education-septieme-assemblee-de-la-campagne-d-amerique-latine-pour-le-droit-a-l-education-clade
07/06/2012 - Cette assemblée régionale, qui s'est tenue à Quito (Equateur) mi-avril sous le slogan « Batailles sociales, droits humains et éducation pour des démocraties renforcées et une citoyenneté active en Amérique latine et aux Caraïbes », a réuni 89... .. En savoir plus
atelier-d-ancefa-pour-la-societe-civile-20-21-avril
07/06/2012 - Le membre régional de la CME ANCEFA a organisé cet atelier pour la société civile avant la tenue de la Conférence des ministres de l'Education de l'Union africaine (COMEDAF) avec plusieurs objectifs : identifier les problèmes politiques et... .. En savoir plus
l-unesco-soutient-la-semaine-mondiale-d-action
07/06/2012 - L’UNESCO, au travers de son réseau international, a collaboré avec la Campagne mondiale pour l’éducation pour organiser la campagne sur la protection et l’éducation de la petite enfance. Suite à la Conférence mondiale sur la PEPE à Moscou en septembre... .. En savoir plus


Regional